Expansão da Consciência

Sobre a enfermidade

Este alerta está colocado na porta de um consultório:

A enfermidade é um conflito entre a personalidade e a alma.

O resfriado escorre quando o corpo não chora.

A dor de garganta entope quando não é possível comunicar as aflições.

O estômago arde quando as raivas não conseguem sair.

O diabetes invade quando a solidão dói.

O corpo engorda quando a insatisfação aperta.

A dor de cabeça deprime quando as duvidas aumentam.

O coração desiste quando o sentido da vida parece terminar.

A alergia aparece quando o perfeccionismo fica intolerável.

As unhas quebram quando as defesas ficam ameaçadas.

O peito aperta quando o orgulho escraviza.

A pressão sobe quando o medo aprisiona.

As neuroses paralisam quando a “criança interna” tiraniza.

A febre esquenta quando as defesas detonam as fronteiras da imunidade.

Os joelhos doem quando o orgulho não se dobra.

O câncer mata quando não se perdoa e/ou cansa de viver.

E as dores caladas? Como falam em nosso corpo?

A enfermidade não é má, ela avisa quando erramos a direção.

O caminho para a felicidade não é reto, existem curvas chamadas Equívocos, existem semáforos chamados Amigos, luzes de precaução chamadas Família, e ajudará muito ter no caminho uma peça de reposição chamada Decisão, um potente motor chamado Amor, um bom seguro chamado Determinação, abundante combustível chamado Paciência. Mas principalmente um maravilhoso Condutor chamado Inteligência.

(Autor Anônimo)

Expansão da Consciência, O Corpo Energético, Terapia Reiki

Espiritualidade & Medicina

Teria a espiritualidade alguma influência no tratamento das doenças?

Globo Reporter de 2012 dedicou uma matéria sobre a relação entre Espiritualidade & Medicina!

O resultado é a introdução do Reiki em alguns hospitais!

Assista ao video!



Quanto mais Reiki melhor!

Leia mais em “Como atua o Reiki?” no blog “Quanto Mais Reiki Melhor” num artigo de Marcelo Madeira

https://quantomaisreikimelhor.com/…/02/23/como-atua-o-reiki/

💕🙏💕🙏💕🙏💕🙏💕🙏💕🙏💕

Expansão da Consciência

Dia Internacional do Reiki

A 15 de Agosto comemoramos o Dia Internacional do Reiki.

Esta data comemorativa do nascimento de Mikao Usui (15 de Agosto de 1865), criador do Usui Reiki Ryoho, tem como objectivo um tempo de encontro e partilha entre todos os praticantes de Reiki, independentemente do nível, escola ou sistema de aprendizagem.

É um dia de lembrança, de prática de Amor Incondicional, é um tempo de meditação e convívio, de alegria e sabedoria.

Todos estão convidados a esta partilha, incluindo não praticantes de Reiki.

Este é também um dia de agradecimento, pois sem a sabedoria do Mestre Usui, hoje não poderíamos praticar Reiki, algo que está disponível para todos.

Leia mais, saiba mais em – ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DE REIKI


dia-internacional-do-Reiki-quanto_mais_reiki_melhor

Dicas de Reiki, Expansão da Consciência, Terapia Reiki

O que é ser um Mestre de Reiki?

A definição de um Mestre de Reiki é qualquer pessoa que recebeu as sintonizações de Mestre e o símbolo do Mestre e que entende claramente como fazer todas as sintonizações. Para ser considerado um Mestre, é necessário ensinar Reiki a pelo menos uma pessoa. Todos aqueles que receberam o treinamento de Mestre, mas nunca ensinaram, são considerados Mestres de Reiki Praticantes até que eles comecem a ensinar.

Reiki é uma prática sagrada que requer reverência e grande respeito se quisermos experimentar todo o seu valor. Os benefícios do Reiki são abrangentes, não somente nos dando a habilidade de curarmos, o que para nós é absolutamente magnifico, mas também trazendo orientações para as nossas vidas.

O Treinamento de Mestre é um passo sério:

  • requer uma definitiva preparação
  • a prática é absolutamente necessária
  • a experiência com a energia e com os simbolos é fundamental
  • é necessário meditar sobre os propósitos da vida
  • é necessário estudar sempre

Para torna-se um Mestre, é fundamental:

  • habilidade para sintonizar outras pessoas
  • encontrar tempo para que seus alunos aprendam
  • assegurar-se que eles praticaram as sintonizações
  • não se importar se seu aluno for melhor do que você; seja grato por isso
  • praticar as meditações, estudar, anotar, para melhorar sua aula sempre
  • tratar os alunos com respeito e gratidão
  • nunca usar meios que tornem seus alunos dependentes de você
  • estimular seus alunos a se conectaram com seu próprio poder e livre-arbítrio
  • enriqueça pessoas, pois assim você enriquece
  • ser um bom exemplo e um representante autentico da energia Reiki
  • desenvolver e expressar qualidades como compaixão, amor, sabedoria, justiça, cooperação, humildade, persistência, bondade, coragem, força e abundância.

O Reiki é tudo isso e mais!


Texto de Swami Paatra Shankara

Dicas de Reiki, Expansão da Consciência, Iniciações, Terapia Reiki, Workshops

As Iniciações e as Sintonizações de Reiki

Antes de qualquer explicação é fundamental detalhar a diferença entre uma sintonização e uma iniciação.

A sintonização é o processo pelo qual o professor coloca o aluno na frequência da energia com a qual ele irá trabalhar a partir daí. O que se dá é simplesmente o toque necessário para que, como num rádio, se sintonize a frequência da estação desejada.

A iniciação é o conjunto das sintonizações e mais o aprendizado dos ensinamentos sobre o sistema, seu conhecimento, compreensão e aspectos práticos.

Na primeira sintonização do primeiro grau do Reiki, o professor de Reiki limpa no aluno o canal para a energia vital universal. Isso o ajuda a absorver mais energia cósmica para o seu bem-estar pessoal.

A cada uma das sintonizações seguintes, o processo é intensificado. A partir desse ponto, o aluno de Reiki continuará sendo um canal por toda a vida.


Clique AQUI  para saber mais sobre os benefícios do Reiki.

quanto_mais_reiki_melhor_marcelo_candido_madeira

Inscreva-se hoje mesmo para fazer a iniciação Reiki Nível 1 e aprenda a utilizar a energia cósmica a seu favor.

Reiki é um excelente instrumento para o desenvolvimento pessoal e espiritual.

Ou se você tem algum comentário ou pergunta sobre este ou qualquer outro tema, entre em contato conosco.

Expansão da Consciência

Como atua o Reiki?

Eu ouço muitas pessoas me afirmarem: “Ah, mas eu preciso ter fé para que o Reiki funcione”. Sinceramente, muitas vezes eu fico calado, mas chegou a hora de dizer uma coisa: A energia está aí. Acredite ou não, a energia está aí atuando sobre você. E o Reiki é justamente isso; uma técnica japonesa de canalização desta energia. É uma técnica usada com o intuito de focar estas energia, a energia universal que permeia o universo e a energia vital que permeia os seres vivos. E os japoneses são bons nisso, em focar, em se concentrar.

A primeira coisa que tem que se ter em mente é se conscientizar destas energias que permeiam você e o universo. É a conscientização de que estas energias unem você ao universo. E para trazer esta consciência a vocês, eu não preciso de nenhum discurso esotérico, religioso ou muito menos místico. Basta conhecer o que a ciência do século 21 tem dito sobre “Matéria e Energia”.

A menos de 400 km de Zurique, cientistas do mundo inteiro trabalham pra responder esta e uma outra série de perguntas relacionadas a matéria e energia, no CERN em Genebra. Mas para entender o que esses cientistas fazem, temos que retomar a ciência no tempo dos gregos. Pois foram os gregos que falaram pela primeira vez da existência do átomo, que acreditavam ser a menor partícula de matéria do universo. Por isso deram a essa partícula o nome de átomo que em grego quer dizer: indivisível.

Os gregos já sabiam que toda matéria é constituída de átomos, pequenas particulas microscópicas como tijolinhos que juntas formam a matéria. Então, todos os objetos que nos rodeiam são feitos de átomos. Nós mesmos, aqui em carne e osso, somos matéria, feitos de átomos.

atomo
O átomo

Mais tarde, séculos depois, os cientistas descobriram que o átomo não é a menor partícula do universo e conseguiram dividí-lo em particulas menores, dentre elas, a mais famosa; o Quark. E então, os cientistas começaram a observar como se operavam estas partículas subatômicas e começaram a medir e a monitorar o comportamento destas partículas. Descobriram que o átomo é constituído de prótons, elétrons e neutrons que orbitam ao redor de um núcleo. E então, os cientistas muito curiosos resolveram medir o comportamento dessas partículas subatômicas e realizaram no século 19 um experimento que revolucionou a ciência moderna.

Os cientistas ao lançarem elétrons em direção a uma placa com duas fendas, notaram que surgiam um padrão completamente diferente do esperado, em vez de criarem duas linhas nos formatos das fendas, criou-se um padrão de interferência como se agissem como ondas, ou seja, surgiram várias linhas na placa atrás da fenda. Então os cientistas ficaram encafifados e acharam que o primeiro experimento havia falhado, e resolveram repetir um segundo experimento, e aí o resultado se mostrou normal, dentro do esperado, os elétrons novamente passaram pelas duas fenda e criaram duas linhas, como seria o normal. Mas eles precisavam repetir o experimento pra a comprovação final e descartar de vez o primeiro experimento, e lançaram mais uma vez os eletróns, e desta vez, os eletróns se comportaram novamente como ondas deixando uma série de linhas na placa atrás da fenda. Repetiram inúmeras vezes e os resultados se alternavam. Aí os cientistas chegaram a desconcertante conclusão: o elétron se comportava ora como partícula, ora como onda.

Dualidade Onda/Partícula
Experimento da Dupla Fenda e a dualidade Onda/Partícula

Esse experimento conhecido como experimento da Fenda Dupla, mostra que toda esta realidade que nos cerca é também feita de ondas. Um elétron é partícula e é onda ao mesmo tempo. E isso põe em cheque todo o paradigma materialista que consiste na idéia de que a substância primordial do universo é a matéria, mas não é…

Mesmo que o materialismo científico não entenda até hoje o que de fato acontece na mecânica quântica, esses preceitos da dualidade onda/partícula estão em toda a nossa tecnologia eletrônica, desde aparelhos de rádio, computadores, celulares, enfim, esse dualismo permeia toda nossa vida diária. Muito foi feito na área tecnológica depois que cientistas descobriram que uma partícula é onda e partícula ao mesmo tempo.

Mas, vocês devem estar se perguntando: O que isso tem a ver com o Reiki?

Ora, para que a gente entenda como se opera a energia Reiki, nós temos que nos distanciarmos do materialismo científico e prestar atenção quando a Mecânica Quântica afirma que o átomo e suas divisões subátômicas se comportam ora como partículas, ora como onda. Ao se comportarem como ondas, emitem frequências vibratórias, e frequências vibratórias emitem energia. Toda onda é energia. Portanto, no modelo da Mecânica Quântica, a Matéria sai dos holofotes para dar lugar a Energia.

Se somos constituídos de átomos e átomos são constituídos de elétrons e elétrons se comportam também como ondas, é fácil supor que nós também emitimos ondas, e se ondas emitem uma frequência vibracional, é fácil também supor que cada corpo emite uma frequência vibracional. E são essas ondas emitidas em nosso entorno que deteminam o campo energético.

ondas eletromagneticas
Ondas eletromagnéticas

E o Reiki trabalha justamente no campo energético, na busca do equilíbrio energético dos corpos, tanto em seres humanos, quanto em animais ou plantas. A técnica do Reiki desenvolvida no Japão faz com que sintonizamos nossas frequências em estados vibracionais mais positivos e mais elevados.

Como se fossemos pequenos rádios de pilha a procura de uma estação, se mexermos o dial mais pra direita só encontraremos ruídos e estática, um pouco mais pra esquerda e sintonizamos a estação desejada para escutar o programa que buscávamos. Portanto, o Reiki ajuda-nos a sintonizar na estação desejada, na frequência da saúde, na frequência da paz interior, na frequência do amor…

O Reiki ajuda-nos a sintonizar na estação desejada
O Reiki ajuda-nos a sintonizar na estação desejada

E pra sentir na pele os beneficios do Reiki, não precisamos entender de mecânica quântica, do mesmo jeito que pra acender a luz da sala não precisamos entender de eletrônica. Basta sabermos que o comportamento do átmos do qual fazemos parte, nos dá a dica de como funciona nosso corpo energético e que a técnica Reiki nos serve para harmonizar não só a energia que nos permeia (Rei) como também a energia que emana de nós (Ki).

Aprenda com o Reiki a manusear a energia a seu favor
Aprenda com o Reiki a manusear a energia a seu favor

 

 

 

 

 

saturno
Expansão da Consciência

Saturno, o regente do ano 2017

 

Saturno, o regente do ano 2017

Saturno é a denominação romana de Kronos filho do casal mais antigo da mitologia grega; Urano, a abóboda celeste e Gaia, a mãe Terra. Kronos simboliza o Tempo, por isso, a origem das palavras; cronologia, crônica, cronômetro relacionadas à tempo e temporariedade.

Seu pai, Urano com receio que os filhos tomassem-lhe o poder, esconde-os num calaboço. Kronos, o filho mais jovem se revolta e com a ajuda da mãe, Gaia, à golpes de foice, corta o sexo de seu pai e depois o mata.

Para manter-se no poder, como o Senhor do Universo, Kronos passa a devorar todos os seus filhos, com execessão de Zeus. Este por sua vez, fora escodido pela mãe Réia e mais tarde infligiria ao pai o mesmo destino do avô. Zeus, ou Júpiter na miltologia romana, torna-se assim o Deus dos deuses.

Este é Saturno, o velho com a foice. Há um quadro maravilhoso de Goya que o mostra devorando os filhos. Saturno é limitação, controle, disciplina, direção, concentração nos propósitos, foco. Se o sujeito sair da linha, zap, conhecerá a foice de Saturno. Perdeu o foco, zap, a foice de Saturno. Saturno é o Tempo, Kronos, e com Saturno não se pode ter pressa. “Good things need while” (Coisas boas necessitam de tempo) disse-me um dia um velhinho inglês sentado num banco de praça. Isso é Saturno, frio, duro e severo, aquele que impõe o caminho e o destino.

Segundo a astrologia, 2017 será regido por Saturno. Durante 36 anos, nosso planeta foi regido pelo Sol, e a partir de 2017, o ciclo do Sol termina e com ele, o ciclo do ego, do que é externo, exposto, manifesto. E agora inica-se o ciclo de Saturno, Kronos, o pai devorador de filhos. O limite, o rigor, o senso de dever. Se usada com sabedoria, a energia do planeta Saturno, favorece a resiliência e a força do caráter, se for mau usada, poderá causar medo, angústias e relutância de tudo que é novo e desafiador.

E não há melhor imagem para 2017 do que aquela do eremita subindo a montanha. Depois de reunida toda a nossa essência é chegada a hora de dirigir-se ao cume. Com diciplina, seriedade e principalmente, muito discernimento nas escolhas, nas metas e nos objetivos. É tempo de arregaçar as mangas e iniciar o trabalho que nos levará as bases de uma nova estrutura, ao amadurecimento. O ciclo solar do espontâneo e do externo dará lugar ao introspectivo, ao interno,  ao invisível. Um trabalho interior em cada um de nós será necessário. Porque elevar-se ao topo da montanha não é para fanfarrões, subir a montanha exige provações e tempéries, é remover obstáculos e submeter-se a inúmeras provas de superação. Isso é subir a montanha. E Saturno estará lá, o ancião com a foice em punho, pronto pra ceifar as consciências que insistem em não se comprometer com a chegada da nova era.


Artigo originalmente publicado no Universo Candura

www.ocandura.com